Desafio GBIF Ebbe Nielsen 2017 promove a descoberta de dados de repositórios digitais

Desafio Ebbe Nielsen 2017

O Desafio Ebbe Nielsen Challenge 2017 promove o desenvolvimento de ferramentas para a descoberta e reutilização de dados sobre biodiversidade disponíveis em repositórios digitais de acesso aberto. Este desafio pretende faciltar que se ultrapasse a dificuldade que existe na descoberta e uso destes dados, em particular quando não são disponibilizados em formato padrão, nem acompanhados por um conjunto suficiente de metadados que garante a sua identificação pelos utilizadores. Deste modo, o desafio propõe que sejam desenvolvidas ferramentas, por exemplo, para:

a) a pesquisa automática de dados abertos em repositórios públicos;

b) a aplicação de data mining que agrege a infor,ação necessária para gerar checklists, e conjuntos de dados de amostragens ou de ocorrência de espécies;

c) o mapeamento dos cabeçalhos da tabelas nos repositórios aos termos Darwin Core;

d) a conversão de rotina dos dados reformatados para o formato Darwin Core.

Aos venceddores do desafio, serão atribuidos prémios num total de 14 000 €, sendo 8 000 € para o primeiro prémio, 3 000 € para o segundo prémio e até 3 000 € para os restantes finalistas, decididos pelo júri.

A data limite para apresentação da candidatura é 5 de setembro de 2017. Veja a informação completa sobre o desafio na plataforma de submissão em https://gbif2017.devpost.com.

Article Type: 

Créditos de imagens. Excepto quando declarado, os conteúdos deste sítio são licenciados através de Creative Commons Attribution CC BY Licence .
A utilização de conteúdos GBIF está sujeito ao Acordo de Utilização de Dados GBIF, e à Política de Privacidade.
O Nó Português do GBIF é acolhido pelo Instituto Superior de Agronomia (ISA),
com o apoio da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT).