MOBILISE: 2ª Chamada para candidaturas a bolsas para Missões Científicas de Curta Duração (STSM – Short Term Scientific Missions)

Está aberta a 2ª chamada para candidaturas a Missões Científicas de Curta Duração (STSM), no âmbito da acção COST MOBILISE, que tem como alvo principal cientistas em início de carreira (estudantes de doutoramento e investigadores pós-docs), curadores e gestores de coleções de história natural e gestores de dados de geo- e biodiversidade, em particular de instituições que não possuem políticas e práticas bem estabelecidas para a mobilização de dados, digitalização de coleções de história natural e curadoria de dados.

O objetivo é possibilitar a visita a instituições onde podem receber essa experiência, de modo a posteriormente a disseminar nas suas instituições. É dada preferência a cientistas de Inclusiveness Target Countries (ITC), sendo que Portugal está incluído nesta lista.​ As missões deverão ter uma duração de 7 a 14 dias e decorrer no período entre 15 de setembro de 2019 e 31 de março de 2020. Mais informações acerca das condições das Missões Científicas de Curta Duração (STSMs) e do processo de candidatura podem ser consultadas no documento anexo a esta notícia.

As candidaturas podem ser submetidas no prazo que decorre até uma das datas limite: 15 de agosto ou 15 de outubro de 2019.

A forte participação portuguesa no MOBILISE é muito importante, pela contribuição que pode dar à capacitação e cooperação neste domínio. Essa participação permite também reforçar a própria acção COST, pela inclusão de participantes de um país abrangido pela política inclusiva. Apelamos assim à vossa eventual candidatura às STMSs e à sua melhor divulgação.

A ação COST MOBILISE:  Mobilising Data, Policies and Experts in Scientific Collections tem como objetivo a constituição de uma rede cooperativa e inclusiva, com o envolvimento ativo dos vários stakeholders europeus, para apoiar a investigação em informática da geo e biodiversidade. A ação MOBILISE visa facilitar a transferência de conhecimento e tecnologia entre stakeholders, fazendo a ponte entre a investigação em biodiversidade e geociências e as melhores práticas da tecnologia de informação.

File attachments: