Notícias e Eventos

GBIF atinge os 7,8 milhões de ocorrências de biodiversidade para Portugal, com a duplicação de registos de aves publicados pelo eBird

O total de registos disponíveis através do GBIF para Portugal ultrapassou os 7,8 milhões, após a duplicação de dados de aves feita pelo eBird. Deste modo, aumentou também o total de registos publicados por Portugal, que ultrapassa agora os 7 milhões de registos.

Angola adere à rede GBIF e aumenta a participação de países lusófonos na organização

Angola on GBIF's Country Page (Source: gbif.org)

Angola é o mais recente país participante da rede GBIF, o que representa um importante avanço para o conhecimento global sobre a biodiversidade. Angola é um dos países com maior diversidade de biótopos em África, com 15 ecorregiões, sendo um dos países mais biodiversos do mundo. A partilha de dados através do GBIF permitirá o desenvolvimento e o aumento do papel das coleções de museus e herbários locais, que devem refletir a riqueza e complexidade biológica da região, para apoiar o avanço do conhecimento neste país africano.

MOBILISE - Bolsas para participação em conferências científicas para estudantes de doutoramento ou investigadores em início de carreira

Foi anunciado o suporte a jovens investigadores ou estudantes de doutoramento originários de países de inclusividade do COST (incluíndo Portugal) para a participação em conferências científicas, no âmbito da ação COST MOBILISE:  Mobilising Data, Policies and Experts in Scientific Collections. A próxima conferência abrangida por este suporte é a Biodiversity_Next Internacional Conference (Leiden, Holanda, 19-25 Outurbo 2019).

IMAR publica mais de 300 mil ocorrências de espécies levando o portal de dados português do GBIF a ultrapassar os 6 milhões de registos

Golfinho

O Instituto do Mar, Centro do Mar e Ambiente (IMAR), da Universidade de Coimbra, desenvolve investigação no domínio das Ciências do Mar e do Ambiente, voltada às zonas costeiras e bacias hidrográficas. Estão registados no GBIF desde 2017, e recebem o aval de publicação da OBIS, que é um centro de informações global e de acesso aberto sobre biodiversidade marinha, para ciência, conservação e desenvolvimento sustentável.

Aberta a convocatória para nomeações para o Prémio GBIF Jovens Investigadores 2019

Toutinegra-de-barrete-preto by César Garcia

Está aberta a convocatória para candidaturas ao Prémio Jovens Investigadores 2019. Este concurso anual procura fomentar a investigação e inovação no domínio da informática para a biodiversidade para alunos a desenvolver estudos de graduação ao nível do mestrado ou doutoramento que se baseiem em dados publicados através do GBIF.

MOBILISE: Candidaturas abertas para curso de formação: Desafios de Digitalização e Gestão de Dados em Pequenas Coleções

Está aberta para candidaturas o primeiro curso de formação do Cost action MOBILIZE, organizada sob o WG6 “EDUCAÇÃO E TREINAMENTO, DISSEMINAÇÃO E DIVULGAÇÃO”. O curso de formação será focado na digitalização e na gestão de coleções biológicas e geológicas e no desenvolvimento de estratégias e planos de digitalização. Os tópicos específicos que serão abordados durante a formação através de exercícios práticos são, entre outros, a qualidade dos dados, a limpeza dos dados e a origem dos dados.

Publicação do relatório: Questionnaire on the Needs in the Use of Agrobiodiversity Information

O Nó Português do GBIF, junto ao Nó Espanhol e ao Colégio Food, Farming and Forestry (F3) da Universidade de Lisboa, lançaram em abril de 2017, o questionário sobre o uso da informação sobre agrobiodiversidade, no âmbito do projecto Agrotraining, que permitiu a identificação das necessidades do uso de informação sobre biodiversidade no domínio da Agrobiodiversidade por diferentes actores.

Apoio à preparação de Angola para se tornar membro do GBIF

O Nó Português do GBIF mantém a cooperação com o Governo de Angola no apoio ao processo de preparação daquele país para se tornar membro do GBIF. Respondendo a uma solicitação realizada pelo Ministério de Ciência e Tecnologia de Angola, foram preparados e enviados para aquele ministério dois documentos para apoiar o processo de criação do Nó Angolano do GBIF, os quais são baseados no documento de referência disponibilizado pelo GBIF para a criação de um nó nacional efetivo1. Estes documentos são:

Chamada para candidaturas a bolsas para Missões Científicas de Curta Duração (STSM – Short Term Scientific Missions)

A ação COST MOBILISE:  Mobilising Data, Policies and Experts in Scientific Collections tem como objetivo a constituição de uma rede cooperativa e inclusiva, com o envolvimento ativo dos vários stakeholders europeus, para apoiar a investigação em informática da geo e biodiversidade. A ação MOBILISE visa facilitar a transferência de conhecimento e tecnologia entre stakeholders, fazendo a ponte entre a investigação em biodiversidade e geociências e as melhores práticas da tecnologia de informação.